O Processo de Co-Criação de Formas
Audiovisuais Mediado por Interface
de Composição Algorítmica

MATHIAS LOBO

Orientadora: Prof.ª  Dr.ª  Ana Flávia Merino Lesnovski

/artista-pesquisador;
/começo de um processo de investigação;
/linha de pesquisa em processos de criação.

/arte generativa computacional:

Conjunto de práticas e processos criativos a partir do uso de algoritmos em softwares, combinados com inúmeras variáveis imputadas pelo artista para criar texturas, sons, frames e formas audiovisuais. (Galanter, 2003, p4).

/imprevisibilidades no processo;
/artista-programador;

/Mônica Rizzolli
/Alexandre Rangel;
/Henrique Roscoe;
/Anders Hoff

/interfaces de programação visual:

/pure data

/isadora (out)

/touch designer (in)

/eixos de experimentações:

/formas

/música

/corpo

/questões e problemas:

/eu x algorítmo (construção e desconstrução);
/como estabeleço e me relaciono com os documentos de processos?
/processos randômicos me bastam/satisfazem? o controle ainda é meu?
/quem cria o quê? a criação é minha? isso importa? onde importa?

/elaboração contínua de sentidos – ecos

As obras estão sempre num fazer. (SALLES, 2011)

/tomada de consciência e fluxo contínuo;
/não é uma teoria geral mas uma teorização do meu processo;

/referências:

BAIO, Cesar. O artista e o aparato técnico: entre os processos artísticos e os métodos da tecnologia. “Comunicação e Cibercultura”, XXI Encontro da Compós. Universidade Federal de Juiz de Fora, Juiz de Fora, de 12 a 15 de junho de 2012. Disponível em: <Compós 1_1 (arquitecturadelastransferencias.net)> Acesso em 07 de jun. 2022.

DEWEY, John. Arte como experiência. São Paulo: Martins Fontes, 2010.

FLUSSER, Vilém. Filosofia da caixa preta. São Paulo: Annablume. 2011.

GALANTER, P. What is Generative Art? Complexity Theory as a Context for Art Theory. 2003. Disponível em: <http://www.philipgalanter.com/downloads/ga2003_paper.pdf>.Acesso em 06 jun. 2022.

MACHADO, Arlindo. A Arte do Vídeo. São Paulo: Brasiliense, 1988.

MANOVICH, Lev. Só Existe o Software. Tradução de Cicero Inacio da Silva. [online]. Disponível em: <http://lab.softwarestudies.com/2011/05/so-existe-o-software.html> Acesso em: 7 jun. 2022.

PEARSON, M. Generative Art. Manning Publications. (2011)

PIGNATARI, Décio. Signagem da Televisão. São Paulo: Brasiliense, 1984.

SALLES, Cecília Almeida. Gesto inacabado: processo de criação artística. São Paulo: Annablume, 1998.

/links:

Arte generativa slide 01: Lishuaijie Generative Art – YouTube

Arte generativa slide 02: Zhangenxuan  Generative Art – YouTube

Arte generativa slide 03: Miaoanya  Generative Art – YouTube

Arte generativa slide 04: Anders Hoff On Generative Algorithms: Introduction · inconvergent

Arte generativa slide 07: Hao Hua Generative Art 2021 – YouTube

Arte generativa slide 08: Uisato Realtime Audioreactive Pointclouds v1.3 – [TouchDesigner + Ableton Live + Kinect] – YouTube

 

contato@mathiaslobo.com.br

mathiaslobo.com.br/cinemagem